Nordeste Museus
1

Museu Carlos Costa Pinto, Bahia

Av. Sete de Setembro, 2490  - Vitória - Salvador, BA  
   http://www.museucostapinto.com.br/
Além das exposições permanentes e temporárias, o Museu desenvolve contínua programação cultural. O Setor de Conservação, Documentação e Pesquisa monitora o estado de conservação do acervo e proporciona suporte teórico para todas as atividades realizadas. O Setor Cultural promove cursos, palestras, seminários e eventos diversos. O Serviço Educativo atende a estudantes, terceira idade e pessoas com necessidades especiais, através de visitação previamente agendada.
2
Museu do Homem Sergipano, Sergipe
Praça Camerino, 227  - Centro - Aracaju, SE  
   http://www.ufs.br/museu/
O Museu do Homem Sergipano, aberto ao público em novembro de 1996, surgiu a partir da visão de que além das funções básicas (guardar, preservar e divulgar bens culturais), funciona como um dos caminhos mas profícuos para a divulgação das produções acadêmicas. É composto de uma mostra permanente (sobre o Homem Sergipano) e várias outras mostras temporárias, que são montadas de acordo com o calendário cultural brasileiro e sergipano, além de mostras intinerantes que nos são solicitadas.
A mostra permanente sobre o Homem sergipano foi baseada no livro publicado pelos Departamentos de História e Ciências Sociais intitulado "Textos para a História de Sergipe", além de material resultante do PAX - Projeto Arqueológico Xingó, que ilustra a fase da pré-história do nosso Estado. Também conhecimentos dos Departamento de Geografia, Economia e Engenharia Agronômica.
3
Museu do Una, Penambuco
 - Várzea do Una - São José da Coroa Grande, PE  
   http://www.museudouna.com.br/
O site do Museu do Una, que abriga detalhes sobre o acervo e as atividades desenvolvidas pelo museu, além de informações sobre a história, a cultura e o meio ambiente do município de São José da Coroa Grande e adjacências. Basta um clique, para você navegar por inúmeras páginas e ampliar fotografias.
4
MAMAM - Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães, Penambuco
Rua Daa Aurora, 265 - Recife, PE  
   http://www.mamam.art.br/
O site do MAMAM não pretende ser um substituto do contato direto com o objeto de arte ou do experimento artístico, tão necessários quanto impossíveis de serem replicados virtualmente. Tampouco tem a pretensão de ser plataforma para processos criativos que utilizam os novos meios de informação. O que ele busca é permitir, de pontos remotos, uma aproximação com a memória de um projeto institucional que elabora, por meio de exposições, debates e publicações, um discurso crítico sobre a produção moderna e contemporânea nas artes visuais. Nesse sentido, ele aproxima ainda mais o Museu de sua audiência e se constitui em parte constitutiva e fundamental ao projeto de inserção cultural e social do MAMAM. Quanto mais estreito e freqüente for este contato virtual com o visitante, mais densos e fortes serão os laços que unem a instituição e a comunidade a que serve.
5
Museu dos Esportes, Alagoas
Av. Siqueira Campos s/n  - Trapiche da Barra - Maceió, AL  
 

Fundado no dia 08 de agosto de 1993, por seu diretor Lauthenay Perdigão, o museu funciona de segunda a sexta-feira, no horário de 9 às 11h30 e 15 às 17h30. Aos sábado, de 09 às 11:30h. O museu foi batizado com o nome de Edvaldo Alves Santa Rosa (Dida), um alagoano que começou jogando no CSA, se transferiu para o Flamengo onde passou doze anos. Dida foi tri-campeão carioca em 1953/54/55. Na decisão do tri-campeonato, no jogo Flamengo 4 x América 1, Dida fez os quatro gols do Flamengo. Deste clássico o museu guarda a camisa usada por Dida, que se encontra no junto com as faixas do tri-campeonato. Dida também jogou na seleção brasileira de 1958, indo para a copa da Suécia como titular. Atuou na primeira partida contra a Áustria, se contundiu e perdeu o lugar para Pelé. http://www.museudosesportes.com.br
6
Museu Histórico e Artístico do Maranhão
Rua do Sol, 302  - Centro - Maranhão, MA  
   http://www.cultura.ma.gov.br/portal/mham/
Missão: Guardar, adquirir, preservar, conservar e executar políticas culturais que garantam ao povo maranhense o exercício do direito à memória, à história e o acesso aosbens culturais.
7
Museu de Arte Moderna da Bahia, Bahia
Salvador, BA  
   http://www.mam.ba.gov.br/
O MAM possui obras que apresentam um rico panorama de meio século das artes brasileiras, num conjunto composto por peças de artistas de várias gerações: dos modernistas como Di Cavalcanti, Flávio de Carvalho, Portinari, Tarsila do Amaral e Volpi aos contemporâneos como Tunga e Waltércio Caldas, além dos baianos Mário Cravo Jr. e Mario Cravo Neto, Mestre Didi, Juarez Paraíso, Calazans Neto, Marepe, entre muitos outros. A coleção conta também com obras de artistas radicados na Bahia, como Pancetti, Pierre Verger e Carybé e com um dos maiores acervos de Rubem Valetim.
8
Museu de Arte Moderna da Bahia
Bahia, BA  
   http://www.mam.ba.gov.br/
O Museu de Arte Moderna da Bahia é uma instituição estadual e está ligado à Secult - Secretaria de Cultura da Bahia e ao Ipac – Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural do Estado, autarquia vinculada à Secult e gestora dos museus estaduais baianos, cuja finalidade é preservar os bens culturais do Estado e colaborar na formulação de políticas educacionais de cunho patrimonial, através da pesquisa, documentação, restauração e difusão da produção técnica e científica necessária a essa preservação.
9
Museu Sinagoga Kahal Zur Israel, Penambuco
Rua do Bom Jesus, 197/203 - Recife, PE   50030-170
   http://www.arquivojudaicope.org.br/
O Arquivo Histórico Judaico de Pernambuco instalou-se, em dezembro de 2001, no Museu Sinagoga Kahal Zur Israel. Responsável pelas ações museológicas do espaço, constituiu-se como uma associação civil de direito privado, sem fins lucrativos, filiado à Federação Israelita de Pernambuco.
É parceiro também das unidades do Museu Judaico do Rio de Janeiro , Arquivo Histórico Judaico Brasileiro em São Paulo, Instituto Histórico Israelita Mineiro em Belo Horizonte-MG , Instituto Marc Chagal em Porto Alegre –RS, entre outros.
10
Museu de Arqueologia e Etnologia, Bahia
Terreiro de Jesus, s/n  - Pelourinho - Salvador, BA  
   http://www.mae.ufba.br/
O local em que se instalou o MAE corresponde aos vestígios arquitetônicos do que foi o amplo e complexo edifício do Real Colégio dos Jesuítas, que incluía a atual Catedral Basílica. Construído, em sua maior parte, no século XVI, este exemplar único de arquitetura seiscentista/setecentista serviu como hospital militar após, a expulsão dos Jesuítas (1759), e mais tarde, ai se instalou a Escola de Cirurgia, fundada por Dom João VI, à sua chegada ao Brasil. Este conjunto arquitetônico foi modificado, em grande parte, inclusive com demolições, para se edificar um novo prédio, no final do século XIX. Após o incêndio ocorrido em 1905 as modificações arquitetônicas feitas por ocasião da reconstrução do prédio foram profundas, voltando este a abrigar a Faculdade de Medicina após a conclusão da reforma.
11
Museu da Imagem e do Som, Ceará
Av. Barão de Studart, 410  - Meireles - Fortaleza, CE   60120-000
   http://www.secult.ce.gov.br/MIS/Mis.asp
Detentor de expressivo acervo da memória audiovisual do Estado, o Museu da Imagem e do Som do Ceará (MIS-CE), criado e implementado pela Secretaria da Cultura (Secult), desenvolve uma diversidade de atividades museológicas: ensino, pesquisa, antropologia cultural, cultura popular e expressões audiovisuais. Além do acervo disponibilizado ao usuário, o MIS possui biblioteca especializada (em fase de reorganização), sala de projeção multimídia e espaços expositivos.
12
Museu do Ceará, Ceará
Rua São Paulo, 51  - Centro - Fortaleza, CE   60030-100
   http://www.secult.ce.gov.br/MUSCE/Musce.asp
O Museu do Ceará foi a primeira instituição museológica oficial do Estado, criada por decreto em 1932, mas aberto oficialmente ao público em janeiro de 1933, com a denominação de Museu Histórico do Ceará. Inicialmente foi concebido como uma das dependências do Arquivo Público, situado na rua 24 de Maio, nº 238, no centro de Fortaleza. No início de 1934, o Arquivo e o Museu foram transferidos para a Avenida Alberto Nepomuceno, nº 332, em frente à Praça da Sé. Hoje esses edifícios já não existem mais. Sua principal missão é promover a reflexão crítica sobre a História do Ceará por meio de programas integrados de pesquisas museológicas, exposições, cursos, publicações e práticas pedagógicas.